BRCR11 Yiend on cost

Boas,

Segue meu estudo com a cota do fundo imobiliario BRCR11



Aqui podemos analizar na celula amarela o valor de R$69,35 que é o valor real "pago" por cada uma cota, já que recebi durante o passar dos anos uma parte do valor da cota como retorno.

O estudo foi feito desde Janeiro de 2016 e as 45 cotas foram compradas em momentos diferentes.

O total pago pelas 45 cotas foi de R$4,346,12 e os dividendos recebidos ao longo do tempo foi de R$1,225,54 e a cota está acima do valor comprado sem descontar os dividendos R$153,43

Ainda estou desconsiderando a inflação dos anos 2016 a 2018

Ache o erro =D Abraços

Continue lendo >>

Nada vence o planejamento

Boas,

Mais um post da série Supere-se porr@


Como assim sair da zona de conforto?
Calma, calma, calma... não é assim
Vc saiu do escritório e foi pros EUA lol. Que demais.
Você consegue e eu não!!
Oi?

Você sabe o que é planejamento? Então... os objetivos não são alcançados da noite pro dia!
Se vc ler 10 paginas por dia no final do ano vc terá lido 3650 paginas. Quantos livros dá isso?

E poupar 10 reais por dia? No final de 5 anos vc vai ter 18,250 reais!! De Massachusetts até a California é longe mas nada que não possa ser vencido com o primeiro passo.

Antes de mais nada e como tudo na vida, planeje! Rabisque, compre um bloco de folha de sulfite e rabisque. Faça isso!! Traçe o primeiro plano. Volte e refaça o primeiro plano e já na terceira versão do seu plano as coisas vão começar a se encaixar. Caso não acontece rapido e facil assim, não desita, continue, afinal vc ainda não terminou o bloco de sulfite não é?

Sempre quis vir para os EUA. Mas isso, como a maioria dos objetivos, ficam deixados de lado dia após dia. Até que um dia vc toma um empurão e cai de cara no chão. Pois bem quando esse dia chegar esteja preparado. Por isso a importancia do seu plano ja estar pronto pra ser executado.

Meu pai sempre me disse: Vc nascer pobre não foi culpa sua. Agora vc morrer pobre a culpa será toda sua.
Dai que veio meu plano, não morrer pobre. OK mas e esse meio tempo entre nascer e morrer? Como vc vai gasta-lo?

Meu plano como o  de muitos aqui é atingir a independencia financeira, aquela parte da vida que as coisas começam a ficar mais facil. (teoricamente)


No Brasil não vi um futuro no meu caso, então ganhar em dolar foi a solução que encontrei. OK, primeiro passo, mas ganhando em dolar vc gastará em dolar tbm. Submeter-se a trabalhos onde se ganha mais é uma opção. O que foi que eu fiz então

Eu (mais do que ninguem) me conheço, se vc não se conhece sugiro que pare por aqui e passe um tempo sozinho com vc mesmo, e me conhecendo tão bem sei o que posso suportar em relação as situações que posso passar para conseguir meus objetivos.

Se prepare!! Antes de tudo prepare o terreno onde vc irá plantar sua arvore. Se meu objetivo foi procurar uma economia forte e ganhar em moeda forte como o dolar, resolvi tirar o passaporte, depois o visto pro pais que escolhi. Eu poderia ter ido pra Europa e ganhar em euros, o que não seria nada mal mas não ia de encontro ao meu destino final que é morar na cobertura do Bellagio em Las Vegas até o dia que morrer!
Dois sub-objetivos alcançados, era hora de escolher o lugar onde botar os ovos. Todo mundo vai para a ensolarada Florida, lugar de gente feliz e fãs do Mickey. Analizando a economia e o mercado de trabalho do estado logo se vê que é mudar de seis pra meia duzia e não era isso que eu queria.

Li bastante e vim parar em MA, estado rico e onde o dinheiro está! Siga o dinheiro e ele te encontrará =D
Não quero trabalhar para pobre, não quero mais contar moedinhas, patrão pobre (e to falando de espirito) não te fará rico. Os ricos já não tem medo de gastar e dão valor ao trabalho duro dos outros.
Sim, tem muitos endinheirados que são muquiranas, saim desses. Fujam desse tipo de pessoa, tanto rico como pobre.

OK. Sei o que quero. Trabalhar bastante para alguém que vá valorizar meu trabalho.
Quero aprender a profissão e abrir meu proprio negocio.

Esses são pontos que eu defini em meu planejamento. Obviamente não devem ser o seu, vc se conhece e sabe aonde quer chegar. Então faça isso, bem simples, defina alguns pontos importantes das situações em que vc quer viver mais pra frente. Por exemplo: Tenho dois ou três roteiros de viagem com hoteis e lugares que quero conhecer mas ainda não tenho condições, mas estão lá, naquela planilha do excel esperando a oportunidade. Assim como minha meta de patrimonio, o Numero magico onde eu paro de trabalhar e começo a viver. 24 horas do dia pra mim! Nada mais pro patrão ou pra empresa!

Faça esse favor pra vc! Escreva seus objetivos e trace aquele plano =D

Continue lendo >>

Zona de conforto e uma historinha pra vcs

Boas,

Não sou de escrever muito, não tenho esse dom, mas hoje quero contar uma histórinha pra vcs.
Este post foi inspirado no ultimo artigo do ilustre blogueiro Soul Surfer
Não no tema em si mas na forma de contar uma história =D



Era 2014 e me encontrava sentado no meu escritório na empresa em que trabalhava, passei a vida toda estudando para que aos 29 anos de idade tivesse um emprego "acima da média", ganha por volta de 3 mil reais por mês. Desenhista mecânico com quase 10 anos de experiencia, muitos cursos e especializações (SENAI, ETEC, Faculdade, SENAC, etc). Varios cursos gratuitos na cidade de São Paulo. Conquistei espaço na empresa e logo liderava o setor de projetos e desenvolvimento. Depois veio controle de almoxarifado e estoque de peças e materia prima.
Numa empresa que fabricava componentes para caminhões e carretas isso era "grandes coisas". E não parava por ai, logo a produtividade e os resultados melhoraram. O controle ficou cada vez mais fácil e a eficiencia deu um salto. 2 anos de empresa e muitas responsabilidades. Depois acabei tomando conta da area de compras de materia prima e controle de produção (para verificar a eficiencia do uso de material).

Muita coisa não? Não tinha dado atenção que não era eu que tinha melhorado mas sim a empresa que tinha piorado e não conseguiam contratar outras pessoas para essas funções! Resultado, a empresa faliu e toda dedicação e trabalho não valeram de nada a primera vista.

Sem paciencia para começar outra vez, já que havia ficado desempregado 10 meses antes de entrar nessa empresa e agora me encontrava novamente desempregado, resolvi viajar aos Estados Unidos e ver o que dava. (Não entrarei em detalhes sobre essa escolha agora)

Passaporte, visto e passagens compradas, era hora de encarar uma nova realidade. Existia uma comundade brasileira forte em Massachusetts e que estavam sempre precisando de sangue novo pra "trabalhar pesado" (O que eu fiz a vida toda). Sem novidades, desembarquei em terras desconhecidas e logo no segundo dia estava trabalhando. Pintor de casas!!

A longa jornada de 13 horas por dia, 6 dias por semana acabou comigo em algumas semanas, o corpo todo doia e descobri novas partes do corpo que nem sabia que existiam. Trabalho pesado eles disseram.


O mercado de pintura de casas aqui não é um mercado consolidado, não existe uma grande empresa que domina o setor. Existem mais de 2400 empresas com a palavra "painting" (Pintura) no nome no estado de MA. Logo vi que as companhias eram de 2 ou 3 empregados. A maior que encontrei tinha 15 pessoas incluido os 2 donos. O que não é muito diferente de empresas brasileiras dos setores não consolidados com o de padarias, açougues, mecânica de carros ou até mesmo o mercado que o Viver de Dividendos atua, softwarehouses. Resumindo a pessoa vem aprende o trabalho e abre sua propria empresa, simples e rapido. Logo o "papel" do dono é deixar os pintores nas casas e ir embora aproveitar o dia. Afinal ele que conseguiu o cliente e tem o poder. O problema (ou solução pra quem quer ser dono) é que não existe barreiras de entradas para esse tipo de negocio. Até eu já quero abrir minha companhia de pintura hehehe Muitos caciques, poucos indios.

O fato é que é essa situção que me encontro e essa é a história resumida da onde eu vim.
Aqui é mais dificil adminstrar os investimentos e acompanhar a bolsa de valores do Brasil.

Sai do meu escritório com ar condicionado e máquina de café, aonde ficava 8 horinhas sentado na frente do computador, na zona de conforto onde podia operar mercado todos os dias para um lugar onde lixar paredes o dia todo e subir em escadas de 3 andares no frio do lado de fora é coisa normal.

A carga horaria de 80 horas semanais são vistas como "trabalho pesado"e eu ainda estou vivo! Meus amigos e familiares que deram-me prazo para desistir pararam de contar os meses e eu estou cada vez mais forte e com mais vontade de trabalhar. E isso "virou" minha zona de conforto. Estranho não?

Claramente não consegui expressar tudo que passei nesse meio tempo, tão pouco as etapas até aqui. Ainda vou fazer isso com mais calma mas como eu disse pra quem não é bom em escrever esse post é uma superação.

Espero que sirva de inspiração pra vcs a sairem da zona de conforto e arriscar mais.
Escrevi tudo isso para contar pra vcs um pouco da fase que estou, espero que gostem =D

Abraços Investidor Maluco

Continue lendo >>

Quem sou eu

Minha foto
Tenho 30 anos, sou empregado de uma indústria pequena, ganho pouco e quero com esse blog aprender sobre os investimentos, com a ajuda da blogosfera financeira!

Seguidores

Tecnologia do Blogger.